Caro Visitante! Este blog é uma forma de expressar a minha paixão pela Arte, pela Natureza e também pela minha querida cidade natal que é Ribeirão Bonito. Espero que encontre aqui um espaço do seu agrado e, sobretudo que se sinta à vontade para apreciar, contemplar, refletir, observar, analisar, comentar, interagir, sugerir, enfim, participar. Seja bem-vindo!

quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

A Noite no Estábulo!

Aconteceu na Manjedoura!


José. O pai silencioso de Jesus, Em vez de criar uma reputação para si mesmo, ele criou um lar para o Cristo. E por essa escolha ele recebeu uma grande recompensa. "E ele lhe pôs o nome de Jesus" (Mateus 1.25).
Faça uma fila com os milhões de pessoas que falaram o nome de Jesus e olhe para a pessoa escolhida para encabeçar essa fila. José. De todos os santos, pecadores, pródigos e pregadores que já disseram o nome de Jesus, José, um trabalhador comum, profissional da construção de uma cidade pequena foi quem disse primeiro. Ele embalou o Príncipe do Céu quando ainda tinha o rosto todo enrugado e, com uma plateia de anjos e porcos, sussurrou:
"Jesus... Você vai se chamar Jesus."
Parece justo, não? José abriu mão de seu próprio nome. Então Jesus deixou José ser o primeiro a falar o dele.

Max Lucado
Cura para a vida comum



Nenhum comentário:

Postar um comentário