Caro Visitante! Este blog é uma forma de expressar a minha paixão pela Arte, pela Natureza e também pela minha querida cidade natal que é Ribeirão Bonito. Espero que encontre aqui um espaço do seu agrado e, sobretudo que se sinta à vontade para apreciar, contemplar, refletir, observar, analisar, comentar, interagir, sugerir, enfim, participar. Seja bem-vindo!

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Tempo de Amar!

Ame!


Se vocês amarem aqueles
 que os amam, que recompensa
 vocês receberão?
Até os publicanos fazem isso!
(Mateus 5. 46)








Como é fácil amar aqueles que nos tratam bem e demonstram gostar de nós. Ao mesmo tempo, como é difícil ter bons sentimentos por quem nos ignora, maltrata, ofende, busca sempre nos prejudicar ...  Às vezes ate nosso cônjuge parece nosso inimigo. Como amar aqueles que não merecem nosso amor?

Oseias recebeu uma ordem de Deus bem difícil de cumprir. Deveria voltar a viver com sua esposa e amá-la. Mas ela era adúltera! Como apagar tudo isso e reconstruir o casamento? Oseias nem discutiu com Deus, pois o Senhor usou como exemplo seu próprio amor pelo povo, também infiel - constantemente, Israel o traía com outros deuses. Deus ama incondicionalmente, mesmo que os homens sejam imperfeitos, maus e infiéis e não retribuam seu amor. Desde antes da fundação do mundo ele amou o homem, mesmo sabendo que ele faria a escolha errada (ou seja, não mereceria seu amor). Seu amor não tem limites - foi levado ao extremo na cruz, quando seu próprio Filho morreu no lugar da humanidade amada. Não merecíamos, mas Jesus fez isso mesmo assim.

Comparado com o amor de Deus, vemos o quanto o nosso é egoísta, imperfeito, limitado. Não é nada fácil, mas nosso alvo deve ser amar como Deus. Isso significa amar mesmo que o outro nem ao menos goste de mim e em todas as situações, sem considerar o comportamento dele. Também implica pagar um  preço - Oseias teve de comprar a esposa para tê-la de volta. O amor sempre envolve um preço - Jesus teve de entregar sua vida; nós temos de renunciar a nós mesmos e aos nossos "direitos".

Então, lembrando que o amor não é um mero sentimento, mas uma escolha, convido você a promover uma revolução em seus relacionamentos. Escolha amar quem não merece seu amor, mesmo que o prejuízo seja seu. Vale a pena experimentar um pouco o quanto Deus nos ama, amando sem limites aqueles que também são amados por ele!

VWR - Livro Pão Diário 



Escolha amar 
aos outros como
Deus ama você!







.

Nenhum comentário:

Postar um comentário